.
.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

.



dentro do meu peito há um recado
de polén dourado
não sei se é segredo
trago-o nos teus estames guardado
protego-o com as pétalas dos meus lábios
na saliva que lhe serve de seiva
dela se alimenta
como se alimentam os beijos que trocamos
quando as nossas bocas se abrem e se fecham
unidas
porque a luz chegou ou partiu
quando os nossos braços se cruzam num abraço
apertado
porque os nossos corpos se entregam
tão molhados


.

2 comentários:

della-porther disse...

Saudades.

deixo um beijo


della-porther

Vieira Calado disse...

Muito sensual... embora disfarçado.

Mas assim é melhor!

É sempre melhor sugerir do que dizer.

Bom fim de semana.