.
.

terça-feira, 18 de março de 2008

.

decidi partir... não em busca de aventura... tenho a mala cheia de palavras fora de moda e não as quero dar a ninguém. são minhas, sabes? não serviriam noutra boca. ainda as desfolho de vez em quando. sem mudar nada de lugar, apenas as saborei-o com os olhos. visto-as vezes sem conta, para encenar um filme sem película na câmara de filmar. chego a vê-lo reflectido na parede do quarto. e as palavras continuam belas, é verdade! a moda vai e vem, não é? afinal talvez eu precise mesmo encontrar uma aventura. que me traga adrenalina às veias e me acalore o sangue. uma que não seja como as que sempre acabei por guardar em malas. para abrir e fechar. decidi partir e deixar a mala para não mais a abrir. que achas de uma aventura de fazer corar?
.

10 comentários:

rosasiventos disse...

[ a traça da língua no fumo dos dias

chover-me canela

no odor de águas mornas




e talvez sim... e ficar...

Maria disse...

de fazer corar? é excelente!!!!!
... belíssima fotografia....

Um beijo

Marta disse...

Ás vezes, é necessário partir...mudar o rumo das palavras...mesmo que se guarde o sabor das outras...
Texto brilhante
Beijos e abraços
Marta

Guigui disse...

Lindo texto tufa.
sabe bem saborear vezes sem conta as palavras, vestindo-as, vestimo-nos de novos sentidos.
É bom partir, é partindo que se cpartilha, que se fazem memórias, e se aquece o coração.

maria josé quintela disse...

uma aventura de fazer corar???



uauuuuu!...

Aspásia disse...

VAI NESSA TUFA, SE ACHAS QUE É O QUE ESTÁS A PRECISAR!!!

EU JÁ ESTOU COM UNS CALORES SÓ DE ANTEVER ESSA TUA OUSADIA!...

ISSO, FECHA OS VELHOS BAÚS AINDA QUE POR UM TEMPO, E GUARDA-OS NA CAVE...

BEIJINHO FERVOROSO! FICO TORCENDO...

Nilson Barcelli disse...

Adrenalina... aventura de fazer corar...
Se for sentida, bora lá... embarca no barco mesmo a remos (mas antes vira-o para cima... o barco...).

Páscoa Feliz, beijinhos.

Manuela disse...

é assim mesmo, uma aventura de fazer corar e soltar a adrenalina presa... presa e fechada são as malas...
e é tão nitido o teu conceito de "palavra", há palavras que são nossas, mesmo quando ditas por outra pessoa ou para outra pessoa não têm o mesmo som...

beijos e uma pascoa docinha
ah! adorei o cafezinho...

Lampejo disse...

Tufa,

Ajeite essa flor e vá....Mas volte corada de sal todo sagrado.

Desejos de bom feriado.

(a)braços e uma cesta com flores e ovos ....Feliz Páscoa

pn disse...

aprecio muito esse batel de fundo chato em azul e bordeaux a navegar parado de casco ao léu.
está a corar ao sol das 12?