.
.

domingo, 20 de janeiro de 2008

.. empresta-me a tua voz para que eu grite
.. empresta-me a tua força para libertar a minha fúria
.. o meu tom não se faz ouvir
.. o meu gesto não se faz notar
.. e eu quero gritar
.. enfurecer-me de mim
.. para depois me olhar de fora
.. e ver o que não voltarei a fazer

9 comentários:

ESPÍRITU disse...

A luz que te deixo é da cor da minha vida...)
Comenta o meu blog:)

pn disse...

ouve, baixinho...

escolhe um alto cerro e ermo monte...
e grita aos céus tod'essa fúria
e que os deuses t'apaziguem.

Pérola disse...

Eu também gritar, mas com a minha voz, que tem a força agora escondida.

Beijinhos e obrigada pela história dos sapinhos! :-)

un dress disse...

de Rainer M Rilke:



No meu sangue


Tira-me a luz dos olhos - continuarei a ver-te

Tapa-me os ouvidos - continuarei a ouvir-te

E, mesmo sem pés, posso caminhar para ti

E, mesmo sem boca, posso chamar por ti.

Arranca-me os braços e tocar-te-ei

Com o meu coração, como com uma mão.

Despedaça-me o coração e o meu cérebro baterá

E, mesmo que faças do meu cérebro uma fogueira

Continuarei a trazer-te no meu sangue.



a propósito de gritar lembrei-me....

maria josé quintela disse...

... também resulta gritar à passagem de um comboio...
.
.
.
vi num filme.

Pedro Branco disse...

Apetece-me dizer como ouvi hoje numa peça de teatro que é uma pérola à magia: "Queria que o amor fosse assim alguma coisa igual a tu..."

Prefiro os gritos destes. Esses podem matar. Ops! Mas estes também! E agora?

Grite-se as cores de dentro do peito!

isabel mendes ferreira disse...

não precisas....


tens TUDO. a gritar forte.



beijo.


_____________

e pulsa.


forte!

AURORA ( LOLA ) disse...

empresta-me a tua voz para que eu grite
.. empresta-me a tua força para libertar a minha fúria
.. o meu tom não se faz ouvir
.. o meu gesto não se faz notar
.. e eu quero gritar


bjs

Maria disse...

Hoje não tenho força nem para me olhar de fora...
... quanto mais para gritar...

Boa semana
Beijo