.
.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007



............................ ao longe, um emaranhado de céus
............................ difíceis de alcançar
............................ azuis
............................ sem nuvens
............................ tranquilos
............................ a brisa não corre
............................ a luz, sem ofuscar, devolve as sombras
............................ cria uma barreira não palpável
............................ impenetrável
............................ inultrapassável
............................ e, ao longe, vejo céu
............................ azul
............................ sem nuvens...

2 comentários:

pn disse...

loa d'apaziguamento ou incessante busca do inalcançável?

Aspásia disse...

E O QUE ESTARÁ PARA LÁ DESSE AZUL?

BEIJINHO AZULADO...