.
.

domingo, 14 de outubro de 2007

será que me ouves nas tuas ausências
que sentes os meus mimos
será que estou contigo tão longe
e sentes o toque dos meus beijos
não fico perdida
sinto-te
poderá ser assim eternamente?
tão longe
tão perto
será que que te oiço nas minhas ausências
que sinto os teus mimos
será que estás comigo tão longe
e sinto o toque dos teus beijos
não ficas perdido
sentes-me
poderá ser assim eternamente?
tão longe e tão perto...
será?


2 comentários:

OUTRA ROMÂNTICA INCORRIGÍVEL disse...

CHE SARÀ, SARÀ,
WHATEVER WILL BE, WILL BE!!!

LINDA ESTA TERNURA QUE NÃO ESMORECE APESAR DA DISTÂNCIA!...

BEIJOKA-MINHA-AQUI- JÁJÁ-SEM-MAIS-DELONGAS...

MIMO-TE disse...

Será?
Enernamente?

Muito bom sem dúvida.

Deixo mimos