.
.

sexta-feira, 12 de outubro de 2007


eu quero andar de mão dada
contigo cruzar meus dedos
passar em todas as ruas
levar-te dentro no mundo
eu quero andar de mão dada
num abraço palma a palma
apertado dedo a dedo
um amar à luz do dia
eu quero andar de mão dada
olhar-te apaixonada
sentir o gemer das peles
de tanto se quererem dar
eu quero andar de mão dada
ver-me sorrir sem porquê
fazer do teu suor meu
o que o meu corpo verteu
eu quero andar de mão dada
sentir-te meu no momento
teu cheiro reter em mim
eu quero andar de mão dada
desta rua ao infinito





5 comentários:

maria josé quintela disse...

amar à luz do dia.
bonito!

mari crrrrruuuu... disse...

De mão dada... Com o mundo, com alguém especial, com a vida... Não há nada melhor!
Bjinho***

MIMO-TE disse...

O amor não é para esconder, temer ou sufocar, é ara mostrar.

Deixo mimos

Aspásia disse...

QUERER É PODER!

BEM... NUMA VERSÃO MAIS "SOFT" :]...

QUERER AJUDA A PODER!

BEIJINHO GRANDE, PODES CRER...

della-porther disse...

Tufa


lindos versos

um bom domingo e uma boa semana.

beijos

della