.
.

sábado, 12 de janeiro de 2008



adormecer com o primeiro chilrear dos pássaros

esconder o olhar dos primeiros raios de luz

aconchegar o corpo num leito anormado pelo teu

dormir um sono leve por te ter a meu lado, acordado

tocar o calor da tua pele e acordar, para de novo adormecer


e ficar...
ir ficando naquele abraço sentido
pedido, oferecido
o abraço merecido
ficar naquele suspiro incontido
gemido, partido
o suspiro perdido


e voltar...
ir voltando naquele sonho acordado
guardado, marcado
o sonho sete vezes sonhado
voltar naquele impulso adiado
pulsado, acalmado
o impulso acertado


e ficar...
ir ficando...


5 comentários:

vsuzano disse...

caramba com estas letras recordo quando ronrono com metade de mim de manhã....

bom fim de semana

Aspásia disse...

QUE CUSTOSO É SAIR DE UM LEITO AMORNADO PELO CALOR DO OUTRO... PRINCIPALMENTE NO INVERNO ;)...

BEIJINHO FRIORENTO :]...

Maria disse...

o primeiro
olhar
teu
um meu
acordar
.................
não é lindo??????

e ficar....
e ir ficando.....

beijo.

maria josé quintela disse...

tempo de ficar...

un dress disse...

sete vezes sete

.

a dormir

aCorDada

...





:) beijO